Sem Categoria

Diferença entre Relé Térmico e Disjuntor Motor

No mundo da elétrica dispositivos como o relé térmico e disjuntor motor são componentes das instalações de um diagrama de potência. Eles são os responsáveis por fazerem o controle e a segurança dos motores elétricos. 

Os motores elétricos nos dia de hoje é um equipamento com o maior gasto de energia elétrica, representando praticamente a metade do consumo desta energia no âmbito mundial, justamente por serem muito utilizados pelas indústrias.  

E grande característica desses componentes é de possuírem a capacidade de seccionamento de um circuito elétrico, isto significa, ligar ou desligar o mesmo. E neste texto vamos entender como eles trabalham e a diferença entre eles!

Caracterizando o relé térmico e disjuntor motor 

Os motores elétricos podem ser do tipo monofásico, bifásico ou ainda trifásico e independentemente de sua fase, eles sempre estarão expostos a possíveis curto circuitos ou sobrecargas elétricas.

Portanto, fazer a proteção desses motores é essencial e para protegê-los, como vimos acima, é comum fazer o uso de relé térmico e disjuntor motor com esta finalidade. Entretanto, estes dois equipamentos apresentam algumas diferenças. :

Através de um disparador magnético e um disparador térmico um disjuntor motor é bastante semelhante ao disjuntor tradicional. Ele é capaz de fornecer proteção magnética contra eventuais curto circuitos e sobrecargas elétricas. 

As manoplas que compõem o disjuntor motor são uma espécie de bloqueio através de um cadeado que incorporam indicadores de disparo no modo geral e magnético.

Estas manoplas ao serem usadas de maneira conjunta a contatores, constroem partidas diretas, reversas ou estrela triângulo com o objetivo de solucionar o problema. 

Agora quando falamos do relé térmico, se trata de um componente de sobrecarga bimetálica muito sensível ao desnivelamento de fases, que possui em sua estrutura um sistema que é o responsável pela compensação de temperaturas.

O relé térmico é conhecido como um componente de proteção que foi desenvolvido para fazer conexão direta com contatores AF. Pois ele conta com contatos auxiliares do tipo 1NA + 1NF que estão incorporados na sua composição. 

Ele também apresenta em sua estrutura um botão independente com as funções de reset e stop. Além de conter um lacre que invisibiliza o acesso ao regulador de corrente elétrica.

Relé térmico x Disjuntor motor 

Existem alguns fatores que vão diferenciar relé térmico e disjuntor motor, e eles são com relação a: 

  • Princípio – Quando algum tipo de falha acontece no sistema de potência o relé térmico faz a comutação e fornece imediatamente um sinal ao disjuntor. O disjuntor motor, por sua vez, interrompe o circuito de forma automática ao receber este sinal do relé térmico. 
  • Funcionamento – O relé térmico apenas identifica o erro e envia sinal para o disjuntor sem quebrar contato. Já o disjuntor motor faz a quebra dos contatos dentro do circuito elétrico. 
  • Tipo – O relé térmico é um dispositivo para detecção e comutação de erros, enquanto o disjuntor motor é um dispositivo para isolar e desconectar um circuito elétrico. 
  • Voltagem – Os relés térmicos operam com baixa voltagem de tensão de energia e o disjuntor motor é um componente de forma automática de cargas. 
  • Usabilidade – O relé térmico possibilita o controle e seleção dos circuitos, e no caso do disjuntor motor é usado apenas um por circuito. 
  • Amplificação – Quando se tratar de sinais discretos o relé térmico pode ser usado como um amplificador. Já o disjuntor motor não possui esta característica. 

Por fim, podemos concluir que apesar de suas distinções estruturais, quando estão juntos relé térmico e disjuntor motor  são competentes para trazer uma segurança muito maior para o sistema elétrico.


No Responses

Leave a Reply

  • (will not be published)