Estágio

Meu estágio é 100% remoto, como é essa experiência?

“Um estranho, é apenas um amigo que você ainda não conheceu”. Eu me deparei com esta frase pela primeira vez enquanto pesquisava sobre a Schneider Eletric, antes do meu processo seletivo. E foi por acreditar nisso, por acreditar no valor que a Schneider desempenha enquanto empresa em reforçar a inclusão e diversidade, que me dediquei, estudei e me preparei para poder ser aprovado e estar aqui hoje, explanando um pouco sobre minha história e meu estágio 100% remoto.

Meu nome é Vagne, sou de uma pequena cidade no interior da Paraíba, Ingá, e curso Engenharia Elétrica na Universidade Federal de Campina Grande. Estou trabalhando na Schneider Eletric desde maio de 2021 como estagiário, atuando no setor de Tendering, elaborando ofertas de sistemas de proteção, controle e supervisão, mais especificamente. E convido você a ler este texto, no qual eu irei relatar minha experiência nesses últimos meses e quem sabe, inspirar você que está aí do outro lado, ou melhor, quem sabe você poderá assumir o meu lugar no futuro, escrevendo sua própria experiência?

Possibilidade de estágio remoto

Mesmo com todas as adversidades e perdas que a pandemia trouxe durante esses últimos 2 anos, ainda podemos ressaltar as coisas boas que conquistamos durante este período. No meu caso, o estágio na Schneider foi uma dessas coisas boas, a considerar pela realização de todas as etapas do processo seletivo de modo virtual, com o início da “era remota”, onde mesmo de tão longe, pude ter acesso a empresa e ter uma oportunidade de participar. Então, se alguém deseja estar conosco, seja como estagiário ou trainee, independentemente de onde você esteja, saiba que é possível e eu sou prova disso.

Então, saiba o quão importante é construir relações, conhecer outras pessoas e entender que você nunca vai estar sozinho, seja aqui ou em qualquer outro lugar.

Início de uma história, com a aproximação do final da minha graduação, comecei a pesquisar sobre estágios em possíveis empresas onde gostaria de trabalhar. Estava procurando um cargo em que pudesse não só envolver aspectos técnicos da própria engenharia, como também características mais gerenciais e de economia.

Dessa forma, acreditando em mim e nos ideais da empresa, cheguei até a última etapa do processo seletivo, onde tive minha entrevista individual com o meu atual gestor, o Bruno. Particularmente, toda minha ansiedade e nervosismo dissiparam-se desde o início da conversa, foi uma entrevista tão agradável sobre o trabalho que o meu setor desempenhava, sobre as minhas habilidades, interesses e futuro, tão leve que sem que me desse conta, o tempo programado já havia acabado. Deixo os meus mais sinceros agradecimentos ao Bruno, por ser um cara que sempre tenta despertar o melhor de nós, e procura ser o mais atencioso possível, mesmo com suas próprias atribuições.

Meu estágio é 100% remoto, então é de suma importância destacar alguns pontos dessa experiência.

Certamente têm sido uma experiência desafiadora e cheia de obstáculos, a constar da ausência física e do contato com colegas de profissão, ou de alguns outros tantos processos que poderiam ser mais práticos se fossem realizados presencialmente, mas mesmo assim, eu não me senti desamparado em momento algum. Com o auxílio de ferramentas digitais internas, podemos resolver quase todas as dúvidas ou questões que possam aparecer em nossa rotina de trabalho, além do email sempre à nossa disposição. Então, mesmo eu morando na Paraíba, distante de todos os escritórios da Schneider do Brasil, não senti que meu desempenho tenha sido severamente prejudicado.

No início do meu estágio 100% remoto, há vários treinamentos, onde foram introduzidas diversas ferramentas, tecnologias e produtos que a Schneider dispõe e utiliza. Após esta etapa, passei a acompanhar o dia a dia de trabalho de um colega de equipe, de forma a entender e ter ciência de como o nosso trabalho era realizado de fato.

Sendo assim, desde que comecei a executar minhas tarefas, sempre tive o auxílio e suporte do Jason e do Alexandre, meus companheiros de equipe e que também, não poderia deixar de agradecê-los imensamente pelo tanto que me ajudaram, e ainda ajudam. Como eu já havia falado previamente, saibam que nunca estarão sozinhos, assim como eu nunca estive, e é um dos grandes pontos positivos da minha experiência, saber que posso contar com pessoas incríveis e que nos ensinam coisas novas todos os dias, de forma a me tornar um melhor profissional.

É por isso que um dos nossos valores principais, é saber que a vida é um aprendizado constante, e que temos que estar dispostos a aprender e compartilhar conhecimentos sempre!

É importante ressaltar que o estágio na Schneider – independentemente de ser presencial, híbrido ou 100% remoto – não é apenas uma inserção em uma equipe, de forma que você possa a aprender o que deve ser feito, e fica por isso mesmo, a empresa possui um plano de desenvolvimento profissional para o estagiário, que nos permite crescer e desenvolver habilidades de feitio a nos tornar profissionais mais qualificados.

Junte-se a nós!

E não para por aí, temos inúmeras outras oportunidades para crescimento dentro da empresa, como o Open Talent Market, onde podemos nos candidatar a vagas de mentoria, de projetos e entre outras oportunidades. Temos acesso a diversos cursos, dentro da nossa plataforma de aprendizado, My Learning Link. Temos ainda, muitas palestras todos os meses, dispondo de conteúdos técnicos, temas de inclusão, diversidade, inclusão, saúde mental, ginástica laboral e sustentabilidade.

É bastante coisa, não é? Pois então, saibam que toda nova oportunidade que surge, são novas chances de conhecer pessoas, desenvolver habilidades, aprender e até fazer amizades. Dessa forma, se você está disposto e gostaria de vivenciar essa experiência, inscreva-se em nosso programa de estágio, e venha fazer parte de nossa grande família.

Digo ainda, se precisarem falar com aquele funcionário tira-dúvidas que lhes contei antes, podem contar comigo, pelo Linkedin, e-mail ou o que você tiver à disposição.

Sucesso a todos!

 

Confira também: Você já imaginou começar o primeiro estágio de home office em tempos difíceis?


No Responses

Leave a Reply

  • (will not be published)