Eletrica

É curto-circuito ou sobrecarga?

Tanto a sobrecarga quanto curto-circuito são fenômenos elétricos que oferecem risco aos seus equipamentos, mas você sabia que apesar de estarem relacionados, eles não são a mesma coisa? Afinal… qual a diferença entre curto-circuito e sobrecarga?

Curto-circuito

Os famosos “curtos” ocorrem quando em algum local do circuito, a corrente elétrica flui entre dois pontos com resistência praticamente desprezível. Quando isso ocorre, há um aumento abrupto no valor da corrente elétrica, que por consequência pode causar um superaquecimento em um determinado ponto do circuito. Esse aumento de temperatura é o principal responsável por danos como a queima de algum componente ou rompimento na fiação elétrica.

 

Ligação entre os fios que saem de uma tomada.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em casos onde o circuito possua disjuntores ou fusíveis por exemplo, os curtos acabam não causando danos, pois ambos os dispositivos são dedicados a proteção contra esses fenômenos. Ao identificarem um valor de corrente maior do que o devido, estes componentes “abrem” o circuito e interrompem o fluxo elétrico instantâneamente. Com isso, seu equipamento ou painel elétrico sofrerá um desligamento, mas estará protegido contra todos os possíveis danos de um curto-circuito.

É importante lembrar que, por conta do curto-circuito provocar um aumento da corrente além do que o sistema foi dimensionado para suportar isso significa necessariamente que: todo curto-circuito provoca uma sobrecarga no seu sistema.

Veja também: Os 5 principais e mais comuns distúrbios elétricos!

 

Sobrecarga

Como o próprio nome já diz, é o excesso de carga em um determinado circuito. Todo equipamento é dimensionado e construído para operar em uma determinada faixa de trabalho ou carga nominal, mas quando esse limite é ultrapassado, temos então uma sobrecarga no sistema.

 

Diversos equipamentos (eletrodomésticos) ligados a um único disjuntor

 

Esse fenômeno pode ser observado dentro de casa, quando ligamos muitos aparelhos elétricos a uma única tomada (portanto, um único circuito). Vários equipamento demandam energia de um único ponto, o que sobrecarrega sua fonte de energia, desta forma, temos uma sobrecarga.

Neste caso, a corrente elétrica também opera acima do seu valor nominal, mas não há necessariamente um ponto de resistência desprezível como no curto-circuito. Claro que com a sobrecara do sistema, alguns pontos do circuito podem superaquecer demais, derreter e assim provocar um curto-circuito, mas isso não corre em todos os casos. Assim, podemos dizer que sobrecargas são uma causa comum de curto-circuitos, porém nem toda sobrecarga provoca um curto-circuito.

Por este motivo, as instalações, podem continuar funcionando em sobrecarga, mas com o tempo, isso trará grandes problemas. Não só a sobrecarga prejudicará seus componentes, como também sua fiação, seu ciclo de vida e principlamente oferecerá risco para os operadores.

 

Conclusão

Sabendo de tudo isso, podemos então destacar as principais diferenças entre esses fenômenos:

  • Curto-Circuito
    • Causa: existe um ponto no circuito com resistência desprezível, onde a corrente elétrica flui livremente.

    • Efeito: aumento abrupto da corrente elétrica que consequentemente gera uma sobrecarga no sistema.

  • Sobrecarga
    • Causa: existe uma demanda de carga superior a que o circuito foi dimensionado para suprir.

    • Efeito: ocorre uma passagem de corrente elétrica superior à corrente nominal no circuito. Isto pode causar derretimento de condutores, queima de componentes eletrônicos, riscos ao operador e até mesmo incêndios em painéis e instalações sem proteção.

Apesar de suas diferenças a boa notícia é que ambos os problemas podem ser evitados com uma única solução! Os dispositivos de proteção como disjuntores previnem sobrecargas e curto-circuitos, além de serem muito fáceis de serem operados.

E ai? Gostou do conteúdo desse post? Então curta e compartilhe em suas redes sociais! E não se esqueça de comentar sobre quais conteúdos vocês gostaria de ver aqui!

Você já visitou a Loja Online da Schneider Electric? Acesse agora a LojaSE e aproveite!

 


No Responses

Leave a Reply

  • (will not be published)