Arquitetura

Projeto de home office: confira dicas imperdíveis

Trabalhar em casa é um sonho para muitos. Atualmente, essa é uma realidade que vem ganhando diversos adeptos. Afinal, é possível evitar várias horas no trânsito, ter conforto, definir o “dress code” e ainda ter versatilidade para escolher como e quando se dedicar às atividades.

No entanto, é importante que o projeto do home office atenda às necessidades do usuário, afinal, um espaço personalizado tende a ser mais confortável e, principalmente, mais estimulante para a realização do trabalho.

Pensando nisso, separamos neste post algumas dicas para que você consiga desenvolver ótimos projetos de home office para os seus clientes. Vamos a elas?

Qual deve ser o espaço destinado ao home office?

O primeiro passo para montar um home office é escolher qual será o ambiente da casa destinado ao trabalho. Um cômodo inteiro disponível para essa função seria o ideal, visto que funcionaria como um escritório, mesmo que informal.

No entanto, sabemos que isso nem sempre é possível. O importante é que a área escolhida para trabalhar seja confortável e ajude na concentração, ou seja, não tenha distrações, perturbações ou barulhos. Além disso, é fundamental que haja espaço suficiente para as necessidades da pessoa, o que varia de trabalho para trabalho.

Sendo assim, qualquer espaço da casa pode ser adaptado para esse fim. Em alguns casos, é possível criar soluções com um meio-termo, ou seja, uso de divisórias que permitem delimitar a área quando necessário.

Que cores usar?

As cores têm a capacidade de estimular criatividade, bom humor, calma e inteligência, quando bem escolhidas. Da mesma forma, optar pelas cores erradas para o ambiente pode causar um efeito negativo no desenvolvimento do trabalho. O vermelho, por exemplo, é considerada uma cor agressiva e cansativa, o que pode saturar o home office. O mesmo vale para o preto.

Entre as opções de cores indicadas para espaço de trabalho estão o azul, o amarelo e o violeta. O azul promove a serenidade e acalma, assim como é útil para promover a comunicação, a confiança e a eficiência. O amarelo estimula a energia, induz o otimismo e é bastante alegre. Já o violeta é o tom que simboliza a inteligência, a sabedoria e a lucidez.

É interessante salientar que todas as cores não devem ser usadas em tons fortes, mas sim mais claros. Do contrário, podem causar efeitos negativos. Além disso, é fundamental mesclar cores mais alegres com outros tons neutros, como o branco, a fim de manter o ambiente mais leve.

Como definir a iluminação?

É fundamental definir o projeto de home office com foco na iluminação, afinal, uma boa luz é capaz de proporcionar bem-estar e incentivar a produtividade, além de evitar problemas na visão. Isso porque locais de trabalho com iluminação inadequada diminuem a acuidade visual, tornando a leitura e a escrita mais lenta, assim como provocam cansaço e sonolência.

Se for viável, a mesa de trabalho deve ser projetada para ficar próxima à janela a fim de aproveitar a luz natural. Além disso, nos minutos de descanso, também é possível observar a paisagem.

Outra dica é usar lâmpadas em cores mais frias, em tom branco ou azulado, visto que as de cores quentes, como as amareladas, podem causar sonolência. Luminárias suspensas são ótimas opções, pois deixam o home office mais iluminado. Por fim, manter o teto branco é importante para que a luz se disperse com mais facilidade.

Quais são os pontos principais na hora de escolher a mobília?

Uma preocupação imprescindível é com a ergonomia, que no ambiente de trabalho oferece o conforto necessário para o desempenho das atividades, assim como evita o desenvolvimento de problemas de saúde decorrentes da postura errada.

Para tanto, é fundamental ter atenção a alguns pontos ao escolher a mobília para o home office. É indicado optar por móveis de escritório, visto que eles são desenvolvidos com foco no conforto para atividade laboral. As peças-chave incluem uma mesa espaçosa, uma cadeira confortável e gaveteiros e prateleiras, conforme a necessidade do cliente.

É bom ressaltar que a escolha da cadeira certa é fundamental. Assim, é preciso verificar se ela pode ser ajustada para que os pés descansam firmemente em algo, o chão ou um apoio para os pés, se o usuário for baixo. Além disso, a coluna deve ser estar bem acomodada.

Em relação à mesa, a sua altura deve permitir que a parte superior da tela do computador esteja no nível dos olhos ou apenas um pouco abaixo. Assim, a visualização da tela não causa fadiga ocular. Já o teclado deve estar posicionado de modo que os antebraços fiquem paralelos ao chão e que os pulsos fiquem retos.

Como decorar um home office?

O estímulo dos itens decorativos pode ser diferente para cada pessoa, portanto é importante entender como o seu cliente percebe essas interações, de forma que o ambiente fique agradável e funcional.

O estilo depende muito das preferências do usuário. A decoração pode ser marcante e cheia de personalidade, remetendo aos hobbies e gostos pessoais da pessoa. O visual também pode ser mais neutro, com móveis em cores claras e pontos de cor em quadros e outros itens decorativos.

Ou seja, as possibilidades de decoração são infinitas, o fundamental é imprimir a personalidade da pessoa no cômodo e deixá-lo agradável. Além disso, é importante nunca se esquecer da funcionalidade. Por isso, o ambiente deve ser livre para acomodar o que é essencial para o trabalho, sejam computadores, aparatos eletrônicos, livros etc.

Como aumentar o conforto?

Apesar de ser um local de trabalho, o home office também pode ter um espaço para o descanso e uma pausa para o lanche. Assim, é possível investir em uma poltrona confortável para leitura e em um cantinho para o café, com máquina e biscoitinhos, por exemplo.

Além disso, é fundamental ter conforto térmico para que o trabalho seja produtivo. Se for o caso, vale a pena apostar em um ventilador de teto ou até em um aparelho de ar-condicionado. Outra dica para aumentar o conforto é ter plantas no ambiente. Elas são capazes de deixar o home office alegre e mais saudável, visto que filtram o ar e aumentam a umidade.

E então, gostou das nossas dicas para incrementar os seus projetos de home office? Trabalhar em casa é um privilégio e, com as escolhas certas, é muito produtivo e agradável — e você pode oferecer tudo isso aos seus clientes!

Quer se aprofundar no assunto e saber como criar projetos exclusivos? Então, não deixe de ler este artigo!

Este conteúdo foi produzido com base na entrevista realizada com Camila Cordista, Designer de interiores e especialista em iluminação, profissional à frente do escritório Cordista interiores e Lighting. Instagram: @CORDISTAINTERIORES / Site


No Responses

Leave a Reply

  • (will not be published)