Arquitetura

7 dicas impecáveis para aumentar o faturamento da sua loja!

Quando pensamos em aumentar faturamento de loja, logo vem à mente a importância de rever as atuais estratégias do negócio. O que muita gente se esquece, na verdade, é de buscar as medidas certas para isso — conhecer detalhes específicos do seu ramo de atuação, ter total conhecimento quanto às despesas e preservar um bom relacionamento com os clientes.

Além disso, também é fundamental ter atenção quanto à formação do preço de venda, o uso da Internet e tecnologia para ganhar agilidade e eficiência, investir em funcionários qualificados etc. Porém, como fazer tudo isso sem meter os pés pelas mãos? É só conferir as nossas dicas: aumente seu faturamento de forma estratégica, inteligente e impecável. Boa leitura!

Como aumentar o faturamento da sua loja?

Sempre que buscamos por dicas de como aumentar faturamento, chegamos a conteúdos que exploram técnicas de como cuidar da vitrine, de se relacionar com o consumidor e, é claro, de realizar um marketing de qualidade, tanto digital quanto o tradicional “boca a boca”. Contudo, é possível ir além disso. Você pode se destacar e dar um gás na sua rentabilidade com ideias criativas e boas práticas, como as que estão mais bem explicadas logo abaixo.

1. Faça um ponto de coleta de material reciclável

A onda verde, felizmente, está cada vez mais forte — inclusive no mercado de forma geral. Por isso, as marcas e todos os tipos de empresas estão aderindo a medidas sustentáveis a fim de colaborar com o meio ambiente.

Uma maneira interessante de fazer isso é disponibilizar a sua loja como ponto de coleta de materiais recicláveis, principalmente se relacionados ao seu produto ou serviço. Veja alguns exemplos:

  • lojas de roupas que coletam peças usadas para doação ou brechós beneficentes;
  • estabelecimentos de eletrônicos que coletam pilhas e baterias descarregadas e equipamentos estragados;
  • casas de cosméticos que têm pontos de coleta de embalagens vazias.

2. Promova cafés temáticos no espaço da loja

Quer atrair mais clientes e, assim, fazer ótimas conversões que gerem aumento nos lucros mensais? Então, vale apostar em eventos temáticos no próprio estabelecimento. Os cafés são a ideia mais acessível e rentável, principalmente se houver algum convidado especial com o intuito de dar alguma palestra, uma roda de conversa ou uma oficina a respeito de um assunto específico.

Entretanto, o tema deve se relacionar com o carro-chefe do negócio e também precisa agregar valor ao público — tanto clientes já fidelizados quanto pessoas interessadas.

3. Conte com as mídias sociais para aumentar faturamento

Além de ideias criativas, também não podemos deixar de manter em dia o que já se tornou essencial para a sobrevivência das lojas no mercado: as mídias sociais. Entretanto, é importante lembrar que a divulgação de imagens digitais dos produtos e a vinculação com questões atuais pode ou não aumentar o faturamento. Isso depende do público que se pretende atingir e do acompanhamento constante de métricas, desempenho e resultados.

De acordo com o Diário Comércio Indústria & Serviços, empresários de diversos setores têm encontrado nos aplicativos de mensagem, como o WhatsApp, e nas redes sociais, como Instagram e Facebook, principalmente, o caminho para se aproximarem de clientes e, é claro, de aumentarem seus lucros. Entretanto, não se pode agir sem estratégia — é fundamental elaborar um plano de ação de marketing digital para tomar as medidas certas em relação a cada tipo de plataforma e de público consumidor.

4. Reduza os custos da sua loja para elevar a lucratividade

Aqui, a negociação com fornecedores é um dos aspectos que mais consegue influenciar a redução de custos de um estabelecimento. Contudo, mesmo que toda forma de economia possa ajudar no faturamento, é preciso cuidado. Afinal, se não houver uma estratégia estudada, a atitude de cortar gastos pode ter efeito contrário e prejudicar a rentabilidade da empresa.

É claro que, quanto menores forem os gastos, maior será a chance de lucratividade. Mas é indicado que se faça, primeiro, um levantamento detalhado de todos esses custos a fim de localizar em quais pontos é possível enxugar o orçamento sem comprometer o primordial: a qualidade dos produtos e serviços.

Para facilitar a análise, você vai começar separando os custos variáveis dos fixos. No primeiro caso, um bom exemplo é a contratação de um eletricista, a compra de equipamentos, de suprimentos para manutenção da loja, como tomadas novas, etc. Já no segundo caso, temos englobados os salários dos funcionários, as contas de água e luz, os encargos tributários, entre outros.

Diante disso, o que pode ser cortado? O monitoramento desses fatores é uma técnica infalível de identificar desperdícios e eliminá-los para o desejado aumento de faturamento. Somado a isso, todo o reaproveitamento de material, reciclagem e outras formas de economia diária são validos — uma simples lâmpada que fica acesa sem necessidade pode estar atrapalhando suas finanças.

5. Otimize o volume de vendas

Além do que já abordamos anteriormente, o que mais é possível fazer para ter uma rentabilidade favorável? Você há de concordar que é aumentando o volume de vendas. Então, certifique-se de colocar algumas ações em prática, como aumentar seu ticket médio.

Assim como outros cálculos, essa métrica é amplamente utilizada por empresas que desejam representar o valor médio que cada cliente consome em suas compras. Assim, é possível aumentar faturamento buscando elevar o valor desse ticket, ou seja, fazendo com que o seu consumidor compre mais itens em sua loja.

Estratégias como vendas casadas ou kits e combos de produtos são ótimas nessas situações. A criação de coleções temáticas ou até mesmo de promoções que incentivem levar mais de um item são bem-vindas nesse sentido.

6. Realize promoções inteligentes

Por falar nelas, as promoções são as técnicas mais tradicionais para aumentar as vendas de qualquer negócio. Contudo, essa é a hora de ser inovador e criativo para realizar boas ofertas e liquidações rentáveis para a loja e para o público.

Logo, a apresentação de condições especiais diferencia sua loja da concorrência, principalmente se elas envolvem brindes exclusivos, facilidades de pagamento, descontos em estabelecimentos parceiros, entre outras ideias.

7. Fidelize os seus clientes

Além das promoções, as vendas aumentam com a fidelização dos clientes, que ajudam, inclusive, a manter uma margem estável de parâmetro e lucratividade. Portanto, vá além do famoso cartão de fidelidade e ofereça ao seu público vantagens realmente exclusivas de fazer parte de um “seleto grupo de clientes especiais” da loja. Para isso:

  • envie periodicamente algum tipo de produto ao cliente;
  • ofereça conteúdo exclusivo por meio de newsletter;
  • garanta mais facilidades de pagamento;
  • mantenha-o informado sobre todas as novidades;
  • promova eventos e o convide para participar.

Quando a pessoa já conhece a marca e se sente lembrada e considerada, ela certamente vai contribuir para o aumento das vendas e, consequentemente, da rentabilidade da sua loja.

Agora que você já sabe técnicas impecáveis sobre aumentar faturamento, é hora de levá-las para a sua gestão e aplicar tudo o que aprendeu. Lembre-se de estar sempre atento ao perfil do seu cliente, acompanhando todas as mudanças de comportamento, que são perfeitamente normais nos dias atuais.

Com isso, você vai ter sempre uma base para traçar não só as metas, mas também as estratégias corretas a fim de alcançá-las. Além disso, esteja sempre atento às despesas e finanças, cuidando para reduzir custos sem comprometer o restante do trabalho. Combinado?

Agora, aproveite sua visita aqui no blog e continue se informando mais sobre gestão de clientes para arquitetos: saiba agora como fazer!


No Responses

Leave a Reply

  • (will not be published)